Clique aqui para obter uma tradução automática do texto seguinte.
Berlim Circular, Leuven2030 e Município de Lousada: os finalistas do Prémio para Ações Transformadoras de 2019  
A cerimónia de entrega do prémio será organizada pelo Comité das Regiões Europeu, em 21 de novembro. O vencedor receberá 10 000 euros para lançar uma ação transformadora no seu município, cidade ou região.

Berlim Circular (Alemanha), Leuven2030 (Bélgica) e Município de Lousada (Portugal) são os projetos finalistas do Prémio para Ações Transformadoras de 2019.

Atualmente na sua terceira edição, este prémio distingue anualmente projetos que contribuem para a execução dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, para a aplicação do Acordo de Paris sobre o Clima e para a concretização da transformação sociocultural, socioeconómica e tecnológica das sociedades através das 15 vias definidas na Declaração Basca .

«O Prémio para Ações Transformadoras celebra as cidades e os municípios que têm a ambição de criar comunidades sustentáveis», afirmou Karl Heinz-Lambertz , presidente do Comité das Regiões Europeu. «Envia uma mensagem clara de que a democracia local e a participação cívica dos cidadãos são a força motriz para um futuro sustentável», acrescentou.

Na reta final para a conquista do título «Ação Transformadora de 2019» estão:

Berlim Circular , por promover a economia circular na capital alemã, ao proporcionar plataformas para a participação cívica e o intercâmbio de conhecimentos e ao apoiar os intervenientes locais colaborando com estes;

Leuven2030 , por reunir todas as partes interessadas de nível local para a definição de um roteiro abrangente rumo a um futuro neutro em carbono e por criar um modelo inovador de governação com vista à sua execução;

Município de Lousada , por fazer uso da educação ambiental para promover práticas ambientais, inspirar e apoiar formas alternativas de criar zonas de conservação e oportunidades de emprego e por reaproximar os cidadãos locais da sua paisagem rural.

«Gostaria de felicitar cada um dos finalistas e, na verdade, todos os candidatos ao prémio na edição deste ano», afirmou Cor Lamers (NL-PPE) , presidente do município de Schiedam, presidente da Comissão ENVE do CR e membro do júri. «É encorajador ver um número tão elevado de candidaturas fortes. Cada um dos finalistas coloca em destaque as medidas inovadoras e inspiradoras de nível local que as cidades, os municípios e as organizações da sociedade civil tomam para combater as alterações climáticas, a fim de preservar e recuperar o nosso planeta, tornar a nossa economia mais circular e os nossos cidadãos mais saudáveis. Estes projetos transformam as nossas sociedades para melhor», acrescentou.

Do forte leque de 40 candidaturas, o júri distinguiu também o município de Umeå (Suécia) com uma menção honrosa pela sua ação transformadora, que consiste numa biblioteca pública onde é possível requisitar equipamento desportivo, brinquedos e artigos de lazer.

«Umeå merece um reconhecimento especial pela sua ação transformadora, inspiradora e revitalizante, que permite às crianças ultrapassar os obstáculos económicos à participação em atividades culturais, promove a inclusão e apoia e reforça a comunidade local, ao mesmo tempo que reduz o impacto ambiental», declarou Wolfgang Teubner, diretor regional do ICLEI Europa e membro do júri.

A cerimónia de entrega do prémio terá lugar em 21 de novembro de 2019, no Comité das Regiões Europeu (CR). O vencedor receberá 10 000 euros para lançar uma ação transformadora na sua cidade, região ou município.

O vencedor receberá também um troféu, o direito de usar o título «Ação Transformadora de 2019», juntamente com a entrada gratuita e uma intervenção na Mannheim2020 , uma conferência europeia que proporciona às cidades e aos intervenientes urbanos uma plataforma de inspiração e de ação, com o compromisso de levar a sustentabilidade mais além. Entre 30 de setembro e 2 de outubro de 2020, reunir-se-ão em Mannheim mais de 800 participantes e 100 oradores, que agirão como interface de vários níveis entre a União Europeia e a ação para a sustentabilidade a nível local.

Para mais informações sobre os eventos e os finalistas, clique aqui .

Contexto:

O Prémio para Ações Transformadoras é coorganizado pelo ICLEI – Governos Locais pela Sustentabilidade, pelo País Basco e pelo município de Aalborg (Dinamarca) e tem o apoio do Comité das Regiões Europeu e do Banco Europeu de Investimento.

O ICLEI – Governos Locais pela Sustentabilidade é uma rede mundial de mais de 1 750 administrações locais e regionais empenhadas no desenvolvimento urbano sustentável. Ativa em mais de 100 países, esta organização influi na política de sustentabilidade e estimula a ação local em prol de um desenvolvimento com baixas emissões, baseado na natureza, equitativo, resiliente e circular. Os seus membros e a equipa de peritos colaboram através de intercâmbios de pares, criação de parcerias e reforço das capacidades, a fim de produzir mudanças sistémicas para a sustentabilidade urbana.

A Declaração Basca define novas vias para que os municípios e cidades europeus se tornem produtivos, sustentáveis e resilientes, tendo como objetivo uma Europa habitável e inclusiva. O documento visa apoiar e acelerar a transformação sociocultural, socioeconómica e tecnológica. A Declaração Basca é o próximo passo para a sustentabilidade local, na sequência da Carta de Aalborg (1994) e dos Compromissos de Aalborg (2004). A Declaração Basca destaca a necessidade de os líderes locais terem a ambição de ser criativos e de encontrar formas inovadoras de diálogo com a sociedade civil para enfrentar os desafios económicos, ambientais e sociais. Ao mesmo tempo, assinala a importância de encontrar soluções sustentáveis que potenciem o valor económico em benefício da população local.

A Plataforma Europeia para as Cidades Sustentáveis foi lançada em 2016, na sequência da 8.ª Conferência Europeia sobre Cidades e Municípios Sustentáveis , que se realizou no País Basco. Com o apoio do município de Aalborg (Dinamarca), do País Basco e do ICLEI Europa, centra-se na aplicação da Declaração Basca , que constitui o principal resultado da 8.ª Conferência Europeia sobre Cidades e Municípios Sustentáveis. A 9.ª Conferência Europeia sobre Cidades e Municípios sustentáveis terá lugar entre 30 de setembro e 2 de outubro de 2020, em Mannheim (Alemanha).

Para aceder a uma seleção de fotografias descarregáveis da cerimónia de entrega do Prémio para Ações Transformadoras de 2018, visite o nosso álbum Flickr .

Contacto do ICLEI: robert.morrow@iclei.org

Contacto do CR: david.crous@cor.europa.eu