As nossas atividades  

Atividade política

O Comité das Regiões Europeu (CR) intervém em várias fases do processo legislativo da UE. As comissões do CR elaboram pareceres sobre propostas legislativas da UE, e os membros reúnem-se em plenária para votar e adotar esses pareceres.

Além disso, o CR trabalha em estreita colaboração com os órgãos de poder nacional, regional e local, fazendo ouvir a sua voz e promovendo o debate político, não apenas em Bruxelas, mas também nos municípios e regiões da UE, fora da Europa e em linha.

Promover o diálogo e a cooperação transfronteiras

As consultas organizadas pelo CR visam recolher informações dos órgãos de poder local e regional, peritos e demais partes interessadas, para que possam contribuir para os pareceres propostos pelos membros do CR para adoção a nível da UE.

Os grupos inter-regionais são grupos de interesse específicos, constituídos por membros que se reúnem para debater questões a nível local/regional ou, por vezes, em países diferentes.

O CR também coordena algumas redes que permitem às regiões e aos municípios trocar boas práticas, dentro e fora da Europa. A Parceria Oriental (CORLEAP) e a Assembleia Euro-Mediterrânica (ARLEM) constituem exemplos dos esforços do CR no domínio da política de vizinhança da UE.

A cooperação transfronteiras consiste ainda em:

 Atividades de monitorização, avaliação e investigação

Por último, mas não menos importante, o CR:

  • garante a participação de todos os níveis de governo e a aplicação correta da legislação da UE a nível local e regional;
  • avalia o potencial impacto das propostas legislativas da UE no terreno;
  • incentiva a descentralização e a parceria reforçada para a elaboração de políticas eficazes na UE;
  • complementa o seu planeamento estratégico procurando antecipar os futuros desafios e oportunidades, o que, por sua vez, pode contribuir para a tomada de decisão em curso.
Informação relacionada
«A nossa ação política é fundada na convicção de que a cooperação entre os níveis europeu, nacional, regional e local é indispensável para construir uma União cada vez mais estreita e solidária entre os povos da Europa e enfrentar os desafios da globalização.» Declaração de missão